Cotidiano

Comerciante tem loja lacrada no São Conrado, fica furioso e é levado para delegacia

Comércio desrespeitou decreto municipal; Guarda Municipal levou comerciante para a delegacia de polícia neste sábado, em Campo Grande

Gabriel Maymone Publicado em 18/07/2020, às 18h08 - Atualizado às 18h59

(Imagem: Divulgação)
(Imagem: Divulgação) - (Imagem: Divulgação)

Guardas Municipais encaminharam, no final da tarde deste sábado (18), o dono de um comércio no Bairro São Conrado, para a Delegacia de Polícia depois dele desacatar a equipe de fiscalização e rasgar o lacre colocado para interditar seu estabelecimento.

Na manhã deste sábado, uma lanchonete na Avenida Calógeras também foi lacrada após ser flagrada servindo clientes no estabelecimento. Essa prática está proibida neste fim de semana, conforme decreto da prefeitura para conter o avanço do coronavírus.

O decreto inclui entre as atividades autorizadas a funcionar a comercialização de lanches e refeições em restaurantes, bares, buffets e similares na modalidade drive-thru. Desta forma, todo o processamento do pedido é feito com o cliente ainda no carro e o produto é levado para ser consumido em casa. A intenção é evitar aglomerações em atividades comerciais diversas e em locais que naturalmente reúnem diversas pessoas –como bares e similares.

A preocupação do município é evitar aglomerações, bem como preservar empregos no setor de alimentação e de infraestrutura.

As regras em vigor aos finais de semana constam no decreto 14.380/2020, que instituiu de 18 a 31 de julho a restrição de atividades econômicas e sociais para ampliar a prevenção à Covid-19.

Jornal Midiamax