Cotidiano

Pais e alunos fecham BR-163 por falta de transporte público escolar em Dourados

Alunos e pais realizam, na manhã desta segunda-feira (19), um bloqueio da rodovia BR-163, próximo a Embrapa, em Dourados. O ato é na tentativa de sensibilizar a classe política para o problema do transporte escolar na região da sitioca Campina Verde. De acordo com os manifestantes, vários alunos estão deixando de ter acesso à educação […]

Renato Giansante Publicado em 19/08/2019, às 09h27 - Atualizado às 11h01

Protesto bloqueia a rodovia nesta manhã (Osvaldo Duarte)
Protesto bloqueia a rodovia nesta manhã (Osvaldo Duarte) - Protesto bloqueia a rodovia nesta manhã (Osvaldo Duarte)

Alunos e pais realizam, na manhã desta segunda-feira (19), um bloqueio da rodovia BR-163, próximo a Embrapa, em Dourados. O ato é na tentativa de sensibilizar a classe política para o problema do transporte escolar na região da sitioca Campina Verde.

De acordo com os manifestantes, vários alunos estão deixando de ter acesso à educação por falta de transporte há pelo menos 20 dias e o prazo dado pela prefeitura foi de 30 dias para retornar os dois veículos que fazem o trajeto.

Em contato com o secretário de educação, Upiran Gonçalves disse que a responsabilidade pelo transporte nesta localidade é da concessionária que administra o transporte coletivo do município, visto que a prefeitura não pode colocar a frota de ônibus do transporte rural em uma área urbana.

“Essa localidade é uma área que foi ocupada há anos e está dentro do período urbano. Não posso desviar o transporte rural para lá pois teria o problema de desvio de objeto do contrato de licitação com a empresa”, disse o secretário lembrando que há alguns ônibus do poder público para casos esporádicos, mas estes ainda não passaram por vistoria técnica e estão impedidos de estar na rua.

O Midiamax entrou em contato com a empresa que administra o transporte público de Dourados e foi informado que não há linhas de ônibus na região de protesto por não haver fluxo de pessoas e que o transporte escolar é sim de responsabilidade de prefeitura.

Pais e alunos fecham BR-163 por falta de transporte público escolar em Dourados
Alunos da Reserva Indígena também protestaram (Renato Giansante. Midiamax)

Mais protesto

Na sexta-feira (16), durante posse dos Conselhos Comunitários de Segurança das Aldeias Indígenas Bororó e Jaguapiru, alunos dessas comunidades também protestaram e cobraram o transporte escolar da prefeitura.

De acordo com os estudantes, o ônibus que faz a Reserva apresenta problemas mecânicos e universitários chegaram a perder aulas durante a semana. O grupo ameaça nos próximos dias fechar a rodovia caso a situação não seja resolvida.

Jornal Midiamax