Proprietário é multado em R$ 6 mil por degradar nascente em Cassilândia

Um proprietário rural foi autuado por degradar uma nascente em APP (Área de Preservação Permanente) no município de Cassilândia, a 436 quilômetros de Campo Grande. A ação foi realizada pela PMA (Polícia Militar Ambiental) de Cassilândia na tarde da quinta-feira (28). O olho d’água foi prejudicado em uma tentativa de ampliar uma barragem da propriedade, […]
| 29/11/2019
- 15:57
Foto: Divulgação/ PMA
Foto: Divulgação/ PMA - Foto: Divulgação/ PMA

Um proprietário rural foi autuado por degradar uma nascente em APP (Área de Preservação Permanente) no município de Cassilândia, a 436 quilômetros de Campo Grande. A ação foi realizada pela PMA (Polícia Militar Ambiental) de Cassilândia na tarde da quinta-feira (28).

O olho d’água foi prejudicado em uma tentativa de ampliar uma barragem da propriedade, no processo foi utilizada uma máquina retro-escavadeira. Segundo a equipe da PMA, a ação acabou bloqueando o curso da água e a falta de cerca na região da nascente resultava no pisoteamento do solo, devido ao gado que passa na região.

As atividades foram interditadas e o proprietário rural recebeu ordens para retirar o gado do local. Além de ser multado em R$ 6 mil e ser obrigado a recuperar a área depredada, ele pode responder por , que prevê pena de detenção de um a três anos.

Veja também

Corpo de Bombeiros foi acionado para um incêndio de grandes proporções em vegetação de um...

Últimas notícias