Cotidiano

Passageiro diz que crianças quebraram ônibus em protesto por passe

Um ônibus que transportava passageiros, em sua maioria crianças, no bairro Portal Caiobá II em Campo Grande foi alvo de depredação na manhã desta quinta-feira (4). Conforme denúncia feita por um leitor do Jornal Midiamax, um aluno de escola municipal quebrou a janela do veículo por estar sem passe. O caso aconteceu na rua Cachoeira […]

Mylena Rocha Publicado em 04/04/2019, às 12h15 - Atualizado às 12h45

Foto: Leitor/WhatsApp Midiamax
Foto: Leitor/WhatsApp Midiamax - Foto: Leitor/WhatsApp Midiamax

Um ônibus que transportava passageiros, em sua maioria crianças, no bairro Portal Caiobá II em Campo Grande foi alvo de depredação na manhã desta quinta-feira (4). Conforme denúncia feita por um leitor do Jornal Midiamax, um aluno de escola municipal quebrou a janela do veículo por estar sem passe.

Passageiro diz que crianças quebraram ônibus em protesto por passe
Crianças tiveram que descer do veículo. (Foto: Leitor/WhatsApp Midiamax)

O caso aconteceu na rua Cachoeira do Campo em local próximo a uma escola. O autônomo Samuel Marcos não soube precisar por que o aluno estava sem o passe de estudante, mas afirma que é a segunda vez que um caso como este acontece.

“Foi uma criança mesmo que jogou um tijolo e quebrou a janela. Eles querem entrar pela porta de trás, mas o motorista não deixa e eles tacam pedra mesmo”, diz.

Segundo Samuel, depois do susto, as crianças tiveram que descer do ônibus e o motorista até chamou a polícia. Os passageiros esperaram pela chegada de um novo transporte. “Aqui é assim, eles saem da escola e ficam bagunçando no transporte coletivo”, reclama.

O Jornal Midiamax entrou em contato com a Prefeitura de Campo Grande para questionar se há registros de alunos sem passe de ônibus e aguarda posicionamento.

WhatsApp: fale com os jornalistas do Midiamax

O leitor enviou as imagens ao WhatsApp do Jornal Midiamax no número (67) 99207-4330. O canal de comunicação serve para os leitores falarem com os jornalistas. Flagrantes inusitados, denúncias, reclamações e sugestões podem ser enviados com total sigilo garantido pela lei.

Jornal Midiamax