Cotidiano

MS registrou 57,3 mil doações de sangue na rede pública em 2017

É comemorado nesta sexta-feira (14), o Dia Mundial do Doador de Sangue, dados o ministério da Saúde mostram que em 2017, Mato Grosso do Sul recebeu 57.348 doações de sangue na rede pública do estado. No país foram 3.356.734. Atualmente 16 a cada mil habitantes são doadores no Brasil. Ainda conforme o ministério da Saúde, […]

Ana Paula Chuva Publicado em 14/06/2019, às 15h48 - Atualizado às 15h54

Campanha tenta estimular doação de sangue no inverno. (Foto: Edemir Rodrigues/ Divulgação)
Campanha tenta estimular doação de sangue no inverno. (Foto: Edemir Rodrigues/ Divulgação) - Campanha tenta estimular doação de sangue no inverno. (Foto: Edemir Rodrigues/ Divulgação)

É comemorado nesta sexta-feira (14), o Dia Mundial do Doador de Sangue, dados o ministério da Saúde mostram que em 2017, Mato Grosso do Sul recebeu 57.348 doações de sangue na rede pública do estado. No país foram 3.356.734. Atualmente 16 a cada mil habitantes são doadores no Brasil.

Ainda conforme o ministério da Saúde, a maior parte dos doadores são do sexo masculino, 62% e 38% do sexo feminino. Com 1,6% de pessoas doando sangue, o país está dentro dos parâmetros da OMS (Organização Mundial da Saúde) que recomenda entre 1% a 3% da população seja doadora.

Dados Nacionais

No Brasil, em 2017, foram coletadas 3.4 milhões de bolsas de sangue e realizadas 2,8 milhões de transfusões de sangue. Estima-se que 34% dessas doações de sangue correspondem à doação de reposição, aquela que o indivíduo doa para atender à necessidade de um paciente motivado pelo serviço, família ou amigos do receptor e; 66% correspondem à doação espontânea, de acordo com os dados do Ministério da Saúde. Ainda em 2017, foram realizadas 2,8 milhões de transfusões de sangue.

Junho Vermelho

Com a queda das temperaturas e as doenças respiratórias, as doações de sangue no Hemosul sofrem uma que de 80%, em Mato Grosso do Sul. Por conta dos estoques baixos, criou-se o junho Vermelho, mês de incentivo às doações.

Durante o mês, o Hemosul consegue promover doações em massa para manter os estoques em níveis adequados para atender a demanda da população. As campanhas e ações têm como objetivo ainda estimular que doadores já cadastrados façam doações em meses mais frios, incentivar que mais pessoas se cadastrem, fazendo com que a causa, Junho Vermelho, alcance o maior número de pessoas possíveis.

Jornal Midiamax