Criador de pássaros é multado em R$ 64 mil por manter aves em cativeiro

Um criador de pássaros, de 47 anos, foi flagrado com 29 gaiolas de aves silvestres em cativeiro nesta quarta-feira (7), em uma fazenda de Pedro Gomes, 296 km de Campo Grande. Ele recebeu multa de R$ 64 mil. Conforme a PMA (Polícia Militar Ambiental), em cada gaiola tinha um pássaro, que ia desde espécies como […]
| 08/08/2019
- 19:14
Foto: Divulgação/PMA
Foto: Divulgação/PMA - Foto: Divulgação/PMA

Um criador de pássaros, de 47 anos, foi flagrado com 29 gaiolas de aves silvestres em cativeiro nesta quarta-feira (7), em uma fazenda de Pedro Gomes, 296 km de Campo Grande. Ele recebeu multa de R$ 64 mil.

Conforme a PMA (Polícia Militar Ambiental), em cada gaiola tinha um pássaro, que ia desde espécies como Papagaio, dois Canários-da-Terra, 11 Bicudos-verdadeiro e 15 Curiós. Apenas os Bicudos-verdadeiros e Curiós possuíam anilhas.

As equipes verificaram que as aves pertenciam a um criador autorizado pelo órgão ambiental, residente no centro de Pedro Gomes e também na fazenda, mas o criatório era registrado na cidade de Sonora e, por tanto, não poderia estar ali. Várias irregularidades administrativas e crime foram caracterizadas.

O infrator responderá por crime ambiental e, se condenado, poderá pegar pena de 6 meses a um ano de prisão. Os pássaros foram encaminhados para o Cras (Centro de Reabilitação de Animais Silvestes).

Veja também

Produtos ficaram mais caros por conta da pandemia e guerra na Ucrânia.

Últimas notícias