Cotidiano

Refis Natalino: Quem deixou para última hora reclama e quer prorrogação

Com centenas de pessoas deixando para o último momento a renegociação de dívidas com a Prefeitura de Campo Grande, a Central do IPTU está lotada na tarde desta quinta (5) e cerca de 500 pessoas ainda aguardam atendimento no Refis Natalino. Apesar de várias pessoas admitirem que apoiam a iniciativa, outros reclamaram do atendimento e […]

Vinícius Costa Publicado em 05/12/2019, às 15h32 - Atualizado às 17h36

Central do IPTU lotou durante a tarde desta quinta. (Foto: Cleber Rabelo, Midiamax)
Central do IPTU lotou durante a tarde desta quinta. (Foto: Cleber Rabelo, Midiamax) - Central do IPTU lotou durante a tarde desta quinta. (Foto: Cleber Rabelo, Midiamax)

Com centenas de pessoas deixando para o último momento a renegociação de dívidas com a Prefeitura de Campo Grande, a Central do IPTU está lotada na tarde desta quinta (5) e cerca de 500 pessoas ainda aguardam atendimento no Refis Natalino. Apesar de várias pessoas admitirem que apoiam a iniciativa, outros reclamaram do atendimento e do prazo.

Os servidores municipais receberam seus salários ainda nesta quinta, mas quem trabalha em outras funções ainda não receberam e se descontentaram com o prazo estabelecido e gostariam que o atendimento fosse estendido até a sexta-feira (6).

As senhas ainda estão sendo distribuídas para as pessoas que ainda aguardam atendimento. Porém, outras conseguiram ser atendidas como é o caso de Lindonalva Miranda, de 43 anos. Apesar do atendimento, a servidora pública indagou que mesmo o salário caindo hoje, teve que se desdobrar para tentar resolver a situação – atendimento vai somente até às 16h.

Refis Natalino: Quem deixou para última hora reclama e quer prorrogação
A fila para ser atendimento estava extensa. (Foto: Cleber Rabelo, Midiamax)

A contadora Ana Carolina Conceição Costa diz que só vai receber o salário nesta sexta, mas mesmo assim, chegou ao local às 11h da manhã e encarou chuva e vento para renegociar algumas parcelas do IPTU. A principal reclamação é por conta da demora na liberação dos boletos que sai pelos bancos.

Leandro Batista que é desossador, apoiou a iniciativa da Prefeitura com o programa e aproveitou para negociar os débitos, mas como os demais, reclamou da demora no atendimento por conta das pessoas deixarem para a última hora.

Até o momento, a prefeitura não se manifestou a respeito de prorrogação do prazo final para o fim do Refis Natalino.

Arrecadação

A Prefeitura de Campo Grande já arrecadou R$ 10,2 milhões com o Refis Natalino, que se encerra nesta quinta-feira (5) e concede até 90% de descontos em multas e juros em dívidas de tributos municipais. A informação foi concedida pelo titular da Sefin (Secretaria Municipal de Finanças e Planejamento), Pedro Pedrossian Neto.

Pedrossian destacou que o prazo não será prorrogado. Porém, na quarta-feira (5), foi protocolado na Câmara Municipal projeto de lei complementar para ampliar o prazo do programa até 20 de dezembro. O projeto ainda não consta na ordem do dia desta quinta-feira. Neste último dia do Refis Natalino, 70 postos de atendimento estão à disposição de contribuintes, na Central de Negociação (Rua Arthur Jorge, 500, Centro).

Jornal Midiamax