Cotidiano

Shows, sorteio e solidariedade devem reunir 40 mil neste Dia do Trabalhador

Entidades sindicais promovem atos políticos

Richelieu Pereira Publicado em 01/05/2018, às 08h19 - Atualizado às 08h46

Festa arrecadou 20 mil quilos de alimentos em 2017. (Foto: Henrique Kawaminami)
Festa arrecadou 20 mil quilos de alimentos em 2017. (Foto: Henrique Kawaminami) - Festa arrecadou 20 mil quilos de alimentos em 2017. (Foto: Henrique Kawaminami)

Esta terça-feira (1°), Dia Internacional do Trabalhador, será de shows, sorteio de veículos, solidariedade e manifestações em Campo Grande. A Festa dos Trabalhadores espera reunir 40 mil pessoas na Praça do Rádio Clube, no Centro da Capital, durante a tarde.

No evento, serão sorteados um carro e duas motos. O trabalhador que quiser concorrer aos prêmios tem que doar alimentos não perecíveis, que posteriormente serão entregues em entidades assistenciais. Um quilo de alimento equivale a cinco cupons para o sorteio.

A festa tem início às 14h e tem entrada gratuita. Diversas atrações musicais regionais irão se apresentar ao público, entre elas a dupla Alex e Yvan, e tem como atração principal a dupla sertaneja Munhoz e Mariano

Em 2017, a Festa dos Trabalhadores arrecadou 20 mil quilos de alimentos, que foram distribuídos a 120 entidades de todo o Estado. O evento é promovido pela Força Sindical de Mato Grosso do Sul com apoio do Governo do Estado.

Ainda em Campo Grande, a Central Única dos Trabalhadores (CUT-MS) e diversas entidades sindicais realizam neste feriado atos esportivos e políticos. Entre as 8h e 13h ocorre o Pagode dos Bancários, no Clube de Campo dos Bancários, localizado na Rua Caldas Aulete, no bairro Coopharádio. Às 11h, haverá a “Feijoada do Trabalhador”, no Bar da Valu.

A Central dos Trabalhadores também promove manifestação a favor do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT-SP). O ato tem início às 17h, na esquina da Afonso Pena com 14 de Julho. O evento tem o apoio da CUT, Fetems (Federação dos Trabalhadores em Educação de Mato Grosso do Sul), UGT (União Geral dos Trabalhadores), Nova Central, CTB ( Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil), Fórum dos Servidores de MS, Simteds (Sindicato Municipal dos Trabalhadores em Educação), além de sindicatos e federações filiados a CUT.

Jornal Midiamax