Cotidiano

Mais de 30 mil candidatos devem prestar o Enem em Campo Grande

O Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira) divulgou o cartão de confirmação do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) e os candidatos já podem conferir os locais de prova. Só em Campo Grande, 30.850 candidatos se inscreveram para a prova, então a recomendação é conhecer o local e o trajeto com […]

Mylena Rocha Publicado em 01/11/2018, às 08h58 - Atualizado às 11h11

Foto: Ilustrativa/ Wilson Dias/Arquivo Agência Brasil
Foto: Ilustrativa/ Wilson Dias/Arquivo Agência Brasil - Foto: Ilustrativa/ Wilson Dias/Arquivo Agência Brasil

O Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira) divulgou o cartão de confirmação do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) e os candidatos já podem conferir os locais de prova. Só em Campo Grande, 30.850 candidatos se inscreveram para a prova, então a recomendação é conhecer o local e o trajeto com antecedência para não se atrasar do dia.

Por questões de segurança, não há divulgação de lista dos locais do exame. A prova acontece nos dias 4 e 11 de novembro e os portões fecham às 12 horas em Mato Grosso do Sul. O Enem é uma prova essencial para o ingresso nas principais universidades públicas do país, mas, curiosamente, a maioria dos inscritos em MS já concluiu o ensino médio. De acordo com dados do Inep, 40.704 inscritos já saíram da escola, o que corresponde a 56,2% dos inscritos.

No estado, 21 mil candidatos do Enem estão cursando o último ano do ensino médio. Já os estudantes que estão no ensino médio, mas não devem concluir o ano letivo, representam 9.356 inscrições. Em menor proporção, entre aqueles que não estão estudando e nem concluíram o ensino médio, são 1.294 inscritos.

O que pode e o que não pode?

Com o exame cada vez mais próximo, vale lembrar as regras do jogo. Quem vai prestar o Enem deve saber que só pode iniciar a prova depois de ler as instruções e dada a autorização do aplicador. O candidato também não pode esquecer a caneta preta, caso contrário, a correção da prova estará impossibilitada.

Antes de entrar na sala de provas, o participante deverá guardar no envelope porta-objetos fornecido pelo aplicador o celular e equipamentos eletrônicos desligados. Não é permitido entrar na sala com lápis, caneta de material não transparente, lapiseira, borrachas, livros, manuais, impressos, anotações e dispositivos eletrônicos, tais como: wearable tech, máquinas calculadoras, agendas eletrônicas ou similares, telefones celulares, smartphones, tablets, ipods, gravadores, pen drive, mp3, relógio, alarmes, chaves, fones de ouvido ou qualquer transmissor, gravador ou receptor de dados, imagens, vídeos e mensagens, sob pena de eliminação.

Quem perturbar a ordem no local de provas ou sair da sala sem a companhia de um fiscal é eliminado do exame. Além disso, é proibido ausentar-se da sala de provas, em definitivo, antes de decorridas duas horas do início. Quem se recusar a passar pela revista e à coleta de dado biométrico também será eliminado do Enem.

O Enem acontece em dois domingos, no dia 4 e 11 de novembro. O primeiro dia do exame conta com 45 questões de linguagens, 45 questões de ciências humanas e a redação, a prova tem cinco horas e meia de duração. Já no segundo dia, são 45 questões de ciências da natureza e 45 questões de matemática, com cinco horas de duração.

Jornal Midiamax