Cotidiano

Com feriados e pontos facultativos, servidores da Defensoria terão 15 dias de folga

Decreto foi publicado no Diário Oficial nesta quinta-feira (18)

Maisse Cunha Publicado em 18/01/2018, às 22h18

None

Decreto foi publicado no Diário Oficial nesta quinta-feira (18)

Além do recesso de 20 de dezembro a 6 de janeiro, os servidores da Defensoria Pública de Mato Grosso do Sul terão mais 15 dias de folga, entre feriados e pontos facultativos ao longo de 2018. O decreto, assinado pelo Defensor Público-Geral do estado, Luciano Montali, foi publicado na edição desta quinta-feira (18) do Diário Oficial.

Entretanto, de acordo com o decreto, em caso de pontos facultativos, os servidores terão de repor as horas não trabalhadas, até o último dia do mês seguinte, exceto nos casos de pontos facultativos decretados pelo governador Reinado Azambuja.

Servidores das unidades de Campo Grande também terão folga no dia de Santo Antônio, padroeiro da Capital, comemorado em 13 de junho.

O decreto ainda informa que, nos dias que não tiver expediente, o chefe do órgão designará defensores plantonistas para atendimento à população.

Jornal Midiamax