Cotidiano

Bancários protestam, mas não fecham agências em Campo Grande

Sindicato faz ato público e bancos funcionam normalmente

Mylena Rocha Publicado em 19/02/2018, às 10h56

None

Sindicato faz ato público e bancos funcionam normalmente

Em reunião realizada na manhã desta segunda-feira (19), o Sindicato dos Bancários de Campo Grande definiu que as agências da Capital não irão aderir a paralisação. Segundo informações da assessoria, nenhuma agência fecha, mas os bancários farão ato às 9h em frente ao Bradesco da rua Marechal Cândido Mariano Rondon, no bairro Amambaí.

Os diretores do sindicato irão percorrer as agências para discutir a questão. O motivo da greve é a votação da Reforma da Previdência proposta pelo Governo Temer. Assembleias realizadas em São Paulo votaram pela participação na paralisação das atividades e serviços em todo o Brasil. 

A votação da PEC da Reforma da Previdência estava na pauta da Câmara da próxima semana, mas foi retirada da agenda após o decreto de intervenção federal no Rio de Janeiro. A Constituição não pode ser emendada na vigência de uma intervenção, de estado de defesa ou de estado de sítio.

Jornal Midiamax