Cotidiano

Após arrecadar R$ 38 milhões, Prefeitura retoma Refis na próxima terça-feira

Com a aprovação do projeto que prorroga o Refis (Programa de Refinanciamento de Dívidas) até dia 23 dezembro, a Prefeitura de Campo Grande pretende retomar a renegociação de débitos dos contribuintes na próxima terça-feira (6), conforme publicação no site oficial do município. O PPI (Programa de Pagamento Incentivado) 2018, também conhecido como Refis, arrecadou um […]

Richelieu Pereira Publicado em 02/11/2018, às 08h13 - Atualizado às 08h24

(Foto: Divulgação/Prefeitura)
(Foto: Divulgação/Prefeitura) - (Foto: Divulgação/Prefeitura)

Com a aprovação do projeto que prorroga o Refis (Programa de Refinanciamento de Dívidas) até dia 23 dezembro, a Prefeitura de Campo Grande pretende retomar a renegociação de débitos dos contribuintes na próxima terça-feira (6), conforme publicação no site oficial do município.

O PPI (Programa de Pagamento Incentivado) 2018, também conhecido como Refis, arrecadou um total de R$ 38 milhões até a manhã de quinta-feira (1º).

O programa, que concedeu descontos e proporcionou renegociar dívidas de tributos municipais, como IPTU e ISS, arrecadou cerca de R$ 22 milhões em sua primeira fase. Na segunda, que foi concluída em 31 de outubro, a Prefeitura recolheu mais R$ 16 milhões.

Nesta nova etapa, os descontos serão mantidos em 85% dos juros sobre o valor do crédito tributário e multa para pagamentos à vista. Para pagamento parcelado ou reparcelamento, no máximo de seis parcelas, a remissão permanece em 70%.

Para quem parcelar em 12 vezes, o desconto chega a 25% nos juros. Por fim, a proposta prevê que para pagamento até o fim de dezembro seja mantida a anistia de 75% do valor consolidado da multa por infração ou acessória, o que contempla penalidade por limpeza de terreno, por exemplo.

Para aderir ao Refis, o contribuinte deve solicitar a emissão do Documento de Arrecadação Municipal – Guia DAM com o benefício concedido para pagamento à vista, ou parcelado, na Central de Atendimento, antiga Câmara Municipal, localizado na Rua Arthur Jorge n. 500, Centro.

A proposta de prorrogação do Refis foi aprovada pelos vereadores da Capital na quinta-feira e ainda precisa ser sancionada pelo prefeito Marquinhos Trad (PSD).

Jornal Midiamax