Cotidiano

Sistema que regula agendamentos no SUS funciona normalmente, diz Sesau

Secretaria afirma que problemas no sistema acabaram

Midiamax Publicado em 01/06/2017, às 16h51

None

Secretaria afirma que problemas no sistema acabaram

A pane registrada no Sisreg (Sistema nacional de regulação) do SUS (Sistema Único de Saúde) em algumas unidades de saúde de Campo Grande acabaram. Nesta quinta-feira (1), a Sesau (Secretaria municipal de saúde pública) afirma que o problema foi resolvido na UBS (Unidade Básica de Saúde) do bairro Aero Rancho, cujo sistema estava fora do ar há mais de uma semana.

Por meio da assessoria de imprensa, a Sesau falou que, além da UBS em questão, não recebeu mais reclamações sobre o funcionamento do Sisreg em outras unidades. Na quarta-feira (31), a Secretaria afirmou, também por meio da assessoria, que os problemas eram na “operacionalização do sistema”.

Entenda

Sistema que regula agendamentos no SUS funciona normalmente, diz Sesau

Jornal Midiamax

Ela tenta marcar consulta com especialista em ortopedia, densitometria óssea e ultrassom para o pé. Esse tipo de procedimento, conforme explicou, chega a demorar 6 meses para conseguir uma consulta.

Desde o dia 22 ela tentar marcar os exames na UBS do Aero Rancho. Nesta quarta, passou a manhã toda na unidade, sem sucesso. “O ortopedista é o mais demorado, já cheguei a esperar 6 meses. A nossa preocupação é que a gente entre na fila de espera. Eu tive uma perícia no INSS essa semana. Se você falar que o sistema não está funcionando, como vão acreditar, falar só verbalmente: ‘olha eu tentei marcar e não está funcionando’”, comentou.

Jornal Midiamax