Cotidiano

Prefeitura apresenta nova oferta de reajuste salarial aos médicos em greve

Enfermeiros e odontólogos também terão proposta 

Midiamax Publicado em 29/06/2017, às 14h35

None

Enfermeiros e odontólogos também terão proposta 

O prefeito Marquinhos Trad (PSD) vai apresentar às 16 horas desta quinta-feira (29) uma nova proposta para os médicos da Prefeitura de Campo Grande; em greve há 4 dias por reajuste salarial. A princípio, a categoria reivindica reajuste de 27,6%, índice que o município já declarou ser impossível. Enfermeiros e dentistas do município também receberão oferta nessa tarde. 

A última proposta da prefeitura a classe médica ofertava um reajuste de 6% sobre os plantões que custam R$ 930. O percentual é significativamente abaixo do 27,5% pleiteados pela categoria. Pedro Pedrossian Neto, secretário de finanças do município, é quem comanda o debate de reajuste dos servidores, e adiantou no início desta semana que o pleito dos médicos será “impossível de se conceder”. 
A prefeitura desembolsa atualmente em torno de R$ 11 milhões mensais para pagar os salários dos médicos.  

Enfermagem 

Os profissionais de enfermagem também participam da reunião de melhorias salariais, e o vereador Hederson Fritz Morais da Silveira (PSD), que também é presidente do Sinte (Sindicato dos Trabalhadores de Enfermagem do Prefeitura Municipal de Campo Grande), adiantou que há risco de paralisação, caso a oferta seja abaixo das negociações dos últimos meses. 

De acordo com a proposta da categoria, o salário base para carga horária de 40 horas semanais de enfermeiros passaria de R$ 2,6 mil para R$ 4,3 mil, e de técnicos subiria de R$ 1,2 mil para R$ 1,6 mil.

Jornal Midiamax