Cotidiano

JBS suspende atividades de frigorífico na Capital até bombeiro liberar

Dez trabalhadores passaram mal com o gás

Midiamax Publicado em 06/04/2017, às 18h57

None
frigorifo5.jpg

Dez trabalhadores passaram mal com o gás

Em nota divulgada à imprensa, a JBS informou que vão ficar suspensas até a liberação pelo Corpo de Bombeiros as atividades na unidade na unidade 2 de Campo Grande, localizada na saída para Sidrolândia, onde houve aconteceu um vazamento de amônia na tarde desta quinta-feira (6).

Dez funcionários passaram mal e foram transportados para unidades de saúde da Prefeitura na região. O acidente mobilizou 10 equipes de socorro só do Corpo de Bombeiros. O Samu (Serviço Móvel de Atendimento de Urgência) também enviou equipes.

Os funcionários ouviram a sirene por volta das 13h, quando uma parte voltava do almoço. Alguns desmaiaram. Assustados, uma boa parte foi para a BR-060, que passa na frente do local.  

De acordo com a JBS, o vazamento na unidade de máquinas foi controlado e está agora sob investigação. A perícia da Polícia Civil esteve no local, assim como a área técnica do Corpo de Bombeiros, para avaliar se a documentação está regularizada.

Veja a nota na íntegra:

“A JBS esclarece que na tarde de hoje (06) houve um vazamento de amônia em sua unidade de Campo Grande (MS), localizada na Rod. BR60,  que foi rapidamente controlado. Por precaução, a unidade foi imediatamente evacuada. Alguns colaboradores foram encaminhados aos postos de saúde locais e todos estão fora de risco. A JBS informa ainda que as causas do ocorrido estão sendo apuradas pela empresa. As operações estão temporariamente suspensas até que o local seja liberado pelo Corpo de Bombeiros”.

Jornal Midiamax