Cotidiano

Categorias de funcionários e de empresas em comércio negociam reajuste salarial

As negociações devem acontecer nas próximas semanas

Raiane Carneiro Publicado em 18/09/2017, às 20h37

None

As negociações devem acontecer nas próximas semanas

Pelos menos 8 categorias de trabalhadores no comércio e empresas pedem reajuste de 15% no Estado. A informação é do sindicato que representa as categorias e que tem o objetivo de que o reajuste passe a valer no dia 1º de novembro, a data base das categorias. As negociações devem acontecer nas próximas semanas.

Segundo o presidente do Seac-MS (Sindicato dos Empregados de Agentes Autonomos do Comércio e em Empresas de Assessoramento, Perícias, Informações e Pesquisas e de Empresas de Serviços Contábeis do MS) e diretor da Fetracom (Federação dos Empregados no Comércio e Serviços de MS), Estevão Rocha, o pedido foi encaminhado para os respectivos sindicatos patronais. 

As categorias que pedem reajuste são de trabalhadores em lotéricas, locadoras, despachantes e em empresas de assessoramento, perícias, informações, pesquisas e serviços contábeis. Para a direção da Seac-MS, a reforma trabalhista não deve interferir na negociação já que foi estabelecido na nova lei que ao negociado é maior que o legislado.Categorias de funcionários e de empresas em comércio negociam reajuste salarial

Nas próximas semanas, as categorias, as que representam os trabalhadores e as que representam os empresários, devem se reunir para decidir os reajustes salariais além de outras medidas de valorização dos trabalhadores.

Jornal Midiamax