Cotidiano

Capital registrou na sexta 97% da chuva esperada para janeiro

Aero-rancho foi o bairro que mais recebeu volume de água

Midiamax Publicado em 21/01/2017, às 11h36

None
alagamento_trevo_imbirussu_1_ok-_cleber_gellio_midiamax.jpg

Aero-rancho foi o bairro que mais recebeu volume de água

Campo Grande registrou um temporal durante a noite de sexta-feira (20). A água – que deverá cair sobre a Capital também neste sábado -, totalizou 226 milímetros, segundo o serviço de metereologia da Uniderp: 97,83% do volume esperado para janeiro, que era estimado pelos Cemtec (Centro de Monitoramento de Tempo, do Clima e dos Recursos Hídricos de Mato Grosso do Sul) em 231 milímetros. O local que recebeu maior volume foi o bairro Aero-Rancho. Somente na na Avenida Vereador Thyrson de Almeida, foram 34 milímetros.

Outros pontos como a Avenida Salgado Filho, Ernesto Geisel e entorno do Shopping totalizaram 33 milímetros. Outros locais como o Residencial Alphaville I, Tiradentes, Vila Nasser e Avenida Tamandaré registraram, juntos, 107,6 milímetros. Com a água, muitas ruas da Capital alagam e registram acidentes, como carros ilhados e asfalto cedendo.

O Cemtec explica que, na quinta-feira (19), choveu 25,09% do que era esperado para Campo Grande no mês de janeiro. Teve até quem encarasse o mau tempo bom humor. Isso porque uma Rua do bairro Nova Campo Grande alagou e os moradores conseguiram 'trafegar' de barco na via. Para este sábado (21), o Inmet prevê tempo parcialmente nublado a nublado com pancadas de chuva e trovoadas isoladas especialmente à tarde. A temperatura máxima não deve ultrapassar os 30ºC e a mínima fica em 20ºC. A previsão permanece a mesma para este domingo (22) com temperatura mínima em pequena elevação, 21ºC.

Cassilândia, até então, era o primeiro município a ter superado o histórico em 9,5% acima da média climatológica. "O esperado para o mês é de janeiro é de 302,3 mm e o acumulado até ontem (19) foi de 331,2 mm. Apenas ontem (19) choveu cerca de 50,2 mm na estação meteorológica", expliocou o Cemtec.

Jornal Midiamax