Cotidiano

Candidatos dormem na fila por vagas dos contratados da Omep e Seleta

Candidatos começaram a chegar às 3h40 

Midiamax Publicado em 22/06/2017, às 11h22

None

Candidatos começaram a chegar às 3h40 

A fim de disputar do processo seletivo para substituir os trabalhadores que atuavam nas entidades Omep (Organização Mundial para Educação Pré-Escolar) e Seleta (Sociedade Caritativa e Humanitária), dezenas de candidatos enfrentaram fila na madrugada desta quinta-feira (22) em busca de uma oportunidade de emprego. No início da manhã de hoje, mais de 200 pessoas esperavam na frente do portão da Escola Municipal José Rodrigues Benfica, próximo do Horto Florestal, onde é realizado o cadastro. 

O edital do processo seletivo foi publicado no Diário oficial de Campo Grande dessa  quarta-feira (21). Conforme a publicação são oferecidas 468 vagas. Ao todo serão distribuídas  duas mil fichas de inscrição.

A oportunidade atraiu principalmente pessoas que estão desempregadas. Ezequiel Filho, de 57 anos, foi o primeiro da fila. Ele diz que está procurando emprego há seis meses e chegou por volta das 3h40.Fila dobrou a esquina na manhã desta quinta-feira

“Para conseguir emprego vale tudo. Enfrentar fila, frio. Nem sei direito para o que são as vagas, mas o que mais me interessa é o salário. Está muito difícil conseguir emprego e minha idade já é um empecilho”, declara.

Desempregada há oito meses, Jéssica Rezende, de 25 anos, reclama da falta de oportunidades no mercado de trabalho.

“Está muito difícil conseguir emprego. Não consigo nada desde o ano passado. As empresas estão pedindo tantos requisitos que até o fato de ter filho atrapalha. Essa oportunidade é a minha esperança”, afirma. 

Phelipe Mateus, de 22 anos, é autônomo e está em busca de algo que ofereça salário fixo. Ele diz que não leu o edital, mas que soube da oportunidade e decidiu disputar a vaga. “Nem sei para o que é, mas vi o tumulto, fiquei sabendo que era trabalho e vim. Se der certo será meu primeiro emprego com carteira assinada”, observa.

Ao todo são 468 novas oportunidades de trabalho, sendo 98 vagas para cuidador social, 120 para educador social, 40 para encarregado de manutenção, 70 para auxiliar de manutenção e 40 para auxiliar social II. Os salários variam de R$ 1.049,00 a R$ 1.320,00 para carga horária de 40 horas semanais.

As vagas foram abertas pela Prefeitura de Campo Grande, por meio das secretarias municipais de Gestão e de Assistência Social, abre Processo Seletivo Simplificado de Programa de Contratação Temporária.

São oferecidas 468 vagas

Cadastro –

ara assumir a vaga os pretendentes devem passar por todos os requisitos exigidos no edital, ter mais de 18 anos, estar em dia com as obrigações eleitorais e com o serviço militar (caso for homem) e não acumular cargos ou serviço público. O contrato é de um ano, podendo ser prorrogado por mais um.O local de lotação será definido pela Secretaria Municipal de Assistência Social, de acordo com as necessidades existentes nas Unidades da SAS.
As inscrições serão realizadas nos dias 22 e 23 de junho de 2017, no horário das 8h às 10h30 e das 13h30 às 16h30, no Auditório da SAS, localizada na Rua dos Barbosas, n. 321, Bairro Amambaí.

Para efetivar a inscrição o candidato deverá entregar a ficha de inscrição preenchida pelo próprio candidato, conforme modelo constante do Anexo II, acompanhada de cópia de um documento oficial de identificação com foto. A ficha estará disponível para download apenas a partir desta quinta-feira (22) no site www.capital.ms.gov.br/seges/processo-seletivo-seges-e-sas.

Assista ao vídeo.

Jornal Midiamax