Cotidiano

Sem resolver reclamação sobre resíduos em água potável, moradora promete acionar justiça

Problema começou há cinco meses

Midiamax Publicado em 13/09/2016, às 16h14

None
aguasujajdanache1.jpg

Problema começou há cinco meses

Sem resolver o problema de resíduos presentes na água potável distribuída no Jardim Anache, a moradora Maria Majansuerda, de 48 anos, que há pouco mais de um mês relatou o caso em uma reportagem feita pelo  Jornal Midiamax, ameaça acionar a justiça contra a empresa responsável pelo serviço de abastecimento em Campo Grande.

Conforme os relatos, a água é escura e contém substâncias pretas e oleosas, que a dona de casa compara ao piche, usado na preparação do asfalto. "Isso parece piche. Tem um gosto horrível e está afetando a minha saúde. Comecei a ter dores nos rins por conta disso", afirma.

Segundo ela, o problema de resíduos começou há cinco meses e apesar de várias visitas técnicas, a questão não foi solucionada. Um VÍDEO gravado pela moradora mostra a situação da água no local.

"Já vieram vários técnicos e eles sempre dizem que vão resolver, mas continua do mesmo jeito. Ontem veio um que até comprou um fardo de água mineral depois de saber que estou com dores nos rins. Ele ficou de resolver, mas tem cinco meses que estou ouvindo a mesma coisa. O jeito vai ser acionar a justiça", frisa.

A dona de casa afirma que no dia 5 de agosto, um técnico foi ao local para coletar a água que seria enviada para análise, no entanto, não obteve retorno.

Na manhã desta terça-feira (13) a equipe de reportagem do Jornal Midiamax entrou em contato com a assessoria de comunicação da Águas Guariroba e foi informada de que sobre a ocorrência na Rua Elias Chacha, no Jd. Anache, as equipes técnicas estão realizando ações para resolver o problema de forma definitiva.

No caso do extravasamento de esgoto da Rua Acrópole, técnicos da concessionária já foram ao local para desobstruir a rede e realizar a limpeza da rua.queequipestécnicasestãorealizandoações para resolver o problema de forma definitiva.

WhatsApp: fale com os jornalistas 

O leitor enviou as imagens ao WhatsApp do Jornal Midiamax, no número (67) 9 9207-4330. O canal de comunicação serve para os leitores falarem com os jornalistas. Flagrantes inusitados, denúncias, reclamações e sugestões podem ser enviados com total sigilo garantido pela lei.

(Matéria editada às 15h45min para inclusão de informações)

Jornal Midiamax