Cotidiano

Mulheres albergadas recebem primeiras unidades de ‘bolsa solidária’

Outras instituições também receberão a bolsa solidária

Midiamax Publicado em 06/05/2016, às 15h26

None
20160506090200.jpg

Outras instituições também receberão a bolsa solidária

Mulheres albergadas no Cetremi (Centro de Triagem e Encaminhamento do Migrante) foram as primeiras beneficiadas pela Campanha “Bolsa Solidária”. Nesta primeira entrega, que ocorreu na tarde de quinta-feira (5), foram nove mulheres presenteadas, que receberam não apenas bolsas, que continham materiais de higiene pessoal, mas o carinho de quem fez a entrega.

Além do kit básico de higiene pessoal: 1 escova de dente, 1 creme dental, 1 pacote de absorventes e 1 sabonete, algumas bolsas vinham com bijuterias, lenços, esmaltes e outro mimos.

Coordenadora de marketing do centro comercial, Stephanie Brites, explica que a campanha arrecadou, até o dia 4 de maio, 700 bolsas, pelo menos 90 arrecadadas pelo Tribunal de Justiça. “A surpresa foi que algumas bolsas vieram com lenços, que serão doadas para as mulheres em tratamento no hospital do câncer Alfredo Abrão. Esta foi a primeira experiência e foi gratificante atender uma parcela da sociedade que não tem condições de frequentar o shopping”, disse Stephanie.

O objetivo da campanha é resgatar a dignidade e autoestima de mulheres que vivem em situação de vulnerabilidade. “Estamos aqui com o propósito de ajudar esta campanha muito linda, nós fomos convidados a participar, porque vocês são mulheres especiais e que merecem toda a consideração, respeito e todo o nosso carinho”, disse a Procuradora de Justiça, Jaceguara Dantas da Silva Passos.

A Procuradora de Justiça contou para as mulheres do Cetremi o quão elas são especiais e que muitas pessoas pensam nelas. “Muitas pessoas atenderam o nosso chamado e doaram, não só bolsas e produtos, mas o seu carinho e o seu amor para vocês. Foi realmente uma corrente do bem de mulheres ajudando outras mulheres”.

Na quinta-feira as mulheres da Casa de Apoio às Vítimas de Violência Doméstica também receberam bolsas com o kit de higiene. Nesta sexta-feira (6) será a vez das mulheres do Instituto sul-mato-grossense para cegos – Florivaldo Vargas. Várias outras instituições também receberão presentes da Campanha “Bolsa Solidária”.

A campanha é apoiada pelo Poder Judiciário de Mato Grosso do Sul e é uma realização da Câmara dos Dirigentes Lojistas de Campo Grande (CDL/CG) e do Shopping Norte Sul Plaza e também conta com o apoio do Ministério Público do Estado, por meio da Promotoria de Justiça de Direitos Humanos de Campo Grande e também da Secretaria de Assistência Social da Prefeitura de Campo Grande (SAS).

Jornal Midiamax