Cotidiano

Vizinhos denunciam espancamento em clínica de dependentes químicos em MS

Após saída da PM, os internos fizeram rebelião e fugiram

Diego Alves Publicado em 11/11/2015, às 00h23

None
foto.jpg

Após saída da PM, os internos fizeram rebelião e fugiram

Moradores acionaram a Polícia Militar por causa de um suposto espancamento de um dependente químico nesta segunda-feira (9) em uma clínica de recuperação no Bairro Flávio Garcia, em Coxim, cidade a 254 quilômetros de Campo Grande.

No local, a polícia foi atendida por um monitor que negou qualquer alteração no local. De acordo com o site Edição de Notícias, internos que estavam na parte superior da clínica confirmaram as agressões, informando que os maus tratos são constantes.

Um dos pacientes chegou a dizer que inclusive já teria sido enforcado. Outro dependente relatou as condições precárias a que estariam submetidos, inclusive ingerindo alimentos vencidos.

Após a saída da PM das dependências da clínica, os internos fizeram uma rebelião e fugiram. Depois que os policiais deixaram a clínica, um monitor acionou a Polícia Militar para informar a fuga e foi orientado a registrar o caso na Polícia Civil.

Jornal Midiamax