Cotidiano

Primeira morte por H1N1 no Estado é de criança de 2 anos

A menina morreu na Santa Casa de Campo Grande

Kemila Pellin Publicado em 08/07/2015, às 20h54

None
download_3.jpg

A menina morreu na Santa Casa de Campo Grande

A primeira morte pela influenza H1N1 no Estado é de uma criança de 2 anos, moradora da Capital. As informações foram confirmadas pela Secretária de Estado e Saúde (SES) de Mato Grosso do Sul no fim da tarde desta quarta-feira (8), após a divulgação do boletim epidemiológico de influenza (nº 13º).

A menina morreu no dia 4 de julho na Santa Casa de Campo Grande.

A SES ainda informou que outras duas mortes pela influenza H3N2, ou A/H3 sazonal, são de mulheres, também na Santa Casa. Uma senhora de 54 anos e outra de 74. As mortes foram registradas no dia 12 de junho.

Ainda conforme o boletim, mais três pessoas contraíram a H1N1, sendo um caso em Miranda, um em Sidrolândia e uma em Campo Grande. No ano passado 21 pessoas morreram por causa da gripe suína em MS.

O número registrados das influenzas também subiu de 155 para 169 em apenas uma semana. 

Jornal Midiamax