Cotidiano

Policiais civis doam sangue em ato por reivindicações da categoria

Segundo bioquímica da Santa Casa, na época de frio, estoque do banco de sangue diminui

Wendy Tonhati Publicado em 11/06/2015, às 12h45

None
img-20150611-wa0015.jpg

Segundo bioquímica da Santa Casa, na época de frio, estoque do banco de sangue diminui

Aproximadamente 50 policiais civis compareceram logo pela manhã desta quinta-feira (11), ao banco de sangue da Santa Casa de Campo Grande. A categoria doou sangue como um ato de conscientização da população pelas reivindicações feitas na negociação salarial deste ano.

Segundo o presidente do Sinpol MS (Sindicato dos Policiais Civis de Mato Grosso do Sul) Alexandre Barbosa, os filiados doaram sangue como uma forma de ajudar a sociedade e conscientizar sobre as reivindicações feitas pela categoria.

Além dos policiais que já passaram pelo hemonúcleo, Barbosa diz que a expectativa é de que outros policiais compareçam ao local, à medida que forem saindo dos plantões. Os agentes das cidades do interior, que têm núcleo de coleta de sangue, também foram convocados a realizar a doação.

Conforme a bioquímica, Bibiana Rugolo, chefe de coleta do banco de sangue, este tipo de iniciativa é benéfica, pois o banco de sangue trabalha no limite do estoque.  

Segundo a bioquímica, as épocas de frio e de vacinação, são as que os estoques de todas as tipagens sanguíneas ficam mais baixos. Ela elogiou a iniciativa e disse esperar que outras categorias sigam o exemplo e façam campanhas de doação de sangue. 

Jornal Midiamax