Operação ‘Que beleza’ fiscaliza produtos em desconformidade com a lei

Multas podem chegar a R$ 1,5 milhão
| 29/05/2015
- 18:20
Operação ‘Que beleza’ fiscaliza produtos em desconformidade com a lei

Multas podem chegar a R$ 1,5 milhão

Aparelhos elétricos nacionais e importados vendidos para os setores de cuidados com a beleza estão sendo fiscalizados pelos agentes da AEM/MS (Agência de Metrologia de Mato Grosso do Sul), na Capital e no interior do Estado.

Segundo a agência a fiscalização está sendo feita em produtos como secadores, chapinhas, saunas elétricas faciais, depiladores elétricos e secadores de mão e unhas. Ainda de acordo com informações serão verificados nos produtos se estes têm o selo de avaliação de conformidade, que assegura a proteção da segurança do usuário.

Caso irregularidades sejam encontradas, o estabelecimento terá prazo de 10 dias para apresentação de defesa, e as multas podem variar de R$ 100 a R$ 1,5 milhão dependendo do grau da infração e da reincidência do estabelecimento.

Veja também

O dólar teria registrado alta significativa nos negócios desta sexta-feira, 19, não fossem os ingressos...

Últimas notícias