Cotidiano

OAB vai acionar Polícia Federal contra venda de registro falsos

Venda de registros era feita pela internet

Ludyney Moura Publicado em 18/04/2015, às 18h17

None
classificados-perigosos-cg-news.jpg-borrado.jpg

Venda de registros era feita pela internet

A seccional sul-mato-grossense da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) revelou que já acionou a Polícia Federal para investigar a venda de registros de inscrição de novos advogados nos quadros da entidade.

“A OAB/MS esclarece que a carteira de registro profissional é validada após aprovação no Exame de Ordem, de forma personalíssima e criteriosa”, aponta trecho de nota publicada pelo órgão.

A Ordem foi procurada depois que golpistas usaram endereços eletrônicos conhecidos no Estado para comercializar registros na OAB. Em uma das ofertas, o endereço de referência dada pela quadrilha era do Fórum da Capital.

A suspeita é que a venda de registros da Ordem também aconteça em outros Estados do país, como São Paulo e Goiás, pelas mesmas pessoas que ofereceram a fraude em Mato Grosso do Sul.

“A Assessoria Jurídica da Seccional está acompanhando o caso. Qualquer cidadão que receber propaganda de venda de registro profissional da OAB pode fazer denúncia por meio do telefone (67) 3318 4747”, finaliza nota divulgada pela seccional estadual da Ordem dos Advogados. 

Jornal Midiamax