Cotidiano

Moradores ironizam vizinhos relaxados com oferta para ‘arrendar pastos’

População reclama de falta de fiscalização da Prefeitura

Midiamax Publicado em 13/04/2015, às 11h12

None
img-20150412-wa0098.jpg

População reclama de falta de fiscalização da Prefeitura

Moradores do Bairro Monte Castelo estão reclamando da falta de limpeza nos terrenos baldios, por parte dos particulares, e de fiscalização, por parte da Prefeitura. Eles fixaram faixas, nestas áreas, com a frase irônica: “Arrenda-se pasto. Prefeitura Municipal de Campo Grande”.

Um dos pontos fica na Rua 25 de Dezembro quase esquina com Rua Dolor de Andrade. Os moradores dizem que as faixas são um protesto, pois há muitos terrenos precisando de manutenção.

De acordo com a atendente Marly Borges, que mora no bairro, esse é o único jeito de chamar a atenção. “Conversei com quem fez a faixa e me disse que há muito risco de contrair doenças como a dengue ou a febre chikungunya. Por isso, estamos cobrando tanto dos particulares quanto da Prefeitura que não os fiscaliza”, conta.

Além do risco de doenças, os terrenos podem se transformar em pontos para uso de drogas. “Esse problema é muito maior do que muita gente pensa. O único jeito de o dono do terreno fiscalizar é sendo cobrado pelo poder público, já que muitos não moram no bairro e não tem medo de doenças”, reclama.

Outro lado

A Semadur (Secretaria Municipal de Meio Ambiente) orienta as pessoas que se sentem prejudicadas a denunciarem via Disque-Denúncia, 156. Desta forma a secretaria envia ficais até o local e, se contatada a irregularidade, o proprietário poderá ser multado.

Jornal Midiamax