Cotidiano

Falta de remédios em posto de saúde causa revolta em funcionário de unidade

Pacientes estariam sendo medicados com morfina por falta de medicamentos básicos em unidade

Thatiana Melo Publicado em 05/04/2015, às 15h31

None
crs_guanandi.jpg

Pacientes estariam sendo medicados com morfina por falta de medicamentos básicos em unidade

A falta de remédios básicos para atendimento a população, no CRS (Centro Regional de Saúde) Doutor Ênio Cunha, no Bairro Guanandi, tem feito com que funcionários administrem morfina a pacientes, já que há dois meses medicamentos como o anti-inflamatório, Cetroprofeno, e analgésicos como, Tramadol, estão em falta.

De acordo com um servidor da Sesau (Secretaria Municipal de Saúde), que não quis se identificar, apenas dois postos de saúde da cidade possuem equipamentos de raio-x, aumentando a fila à espera do serviço. Exames de eletrocardiograma também não estão sendo feitos, já que a fita para leitura do resultado também está em falta nas unidades.

A reportagem entrou em contato com o CRS do Guanandi, mas ninguém quis falar em nome da unidade. Prefeitura e Sesau não tem expediente neste domingo de Páscoa, razão pela não obtivemos resposta até o fechamento da matéria. 

WhatsApp: fale com os jornalistas do Jornal Midiamax

O leitor enviou as reclamações ao WhatsApp da redação, no número (67) 9207-4330. O canal de comunicação serve para os leitores falarem diretamente com os jornalistas do Jornal Midiamax. Flagrantes inusitados, denúncias, reclamações e sugestões podem ser enviados com total anonimato garantido pela lei.

Jornal Midiamax