Cotidiano

Enfermeiros afirmam que receberam ofício ‘genérico’ e mantêm greve

Comissão protocoliza documento com proposta de reajuste

Thatiana Melo Publicado em 03/07/2015, às 15h52

None
img-20150702-wa0026_pequena.jpg

Comissão protocoliza documento com proposta de reajuste

O documento recebido pela Comissão de Enfermeiros, na manhã desta sexta-feira (3), que colocaria fim à greve da categoria não tem proposta nenhuma, afirma Hederson Fritz, representante dos enfermeiros do Sinte PMCG (Sindicato dos Trabalhadores de Enfermagem da Prefeitura de Campo Grande).

“O documento só ressalva que a Prefeitura não tem dinheiro, e que uma proposta deve ser feita, mas sem data definida”, explica. De acordo com Fritz a comissão irá protocolizar ainda na tarde desta sexta-feira (3) na Semad (Secretaria Municipal de Administração), um documento com uma proposta de acordo. “Agora vamos esperar a Prefeitura avaliar para depois em assembleia decidirmos pelo fim ou não da greve”, ressalta.

Na próxima terça-feira (7) a categoria tem uma reunião marcada, com o secretário da pasta, Wilson do Prado, para tentar um acordo. A audiência só foi possível depois de uma solicitação judicial.

A paralisação que começou no dia 20 de junho, já dura 13 dias. A categoria, que tem em seu quadro cerca de mil servidores, reivindica reajuste de 8,5%. 

Jornal Midiamax