Cotidiano

Com indicativo de greve, professores voltam a se reunir com governo

Professores podem entrar em greve no dia 25 de maio

Midiamax Publicado em 15/05/2015, às 21h14

None
botarelli.jpg

Professores podem entrar em greve no dia 25 de maio

 Professores de escolas estaduais de Mato Grosso do Sul vão se reunir em nova rodada de negociação com o governo do Estado na próxima terça-feira, 20 de maio.

De acordo com o presidente da Fetems (Federação dos Trabalhadores de Educação), Roberto Botarelli, o Executivo se comprometeu em apresentar proposta que alcance a reivindicação dos docentes. Os trabalhadores da educação pedem 10.98% de reajuste salarial pactuado com o governador no início deste ano.

O ex-governador André Puccinelli, (PMDB) se comprometeu, ainda durante sua gestão, em alterar em 24% o salário dos professores a partir de 2015. No entanto, o índice total não foi possível ser concedido pelo governador e houve reajuste salarial de 13.01% em janeiro.

“Vamos aguardar a proposta do governo. Depois vamos realizar assembleias municipais e depois uma final para dar nosso posicionamento”, comentou Botarelli. Caso o posicionamento do Executivo não seja aprovado pelos professores uma greve deve ser iniciada no dia 25 de maio.

A realização de nova reunião foi estabelecida em encontro realizado hoje entre os secretários do Estado e representantes da Fetems. Ao todo são 20 mil professores em Mato Grosso do Sul e 365 escolas estaduais.

Jornal Midiamax