Cotidiano

Com ajuda do marido e da mãe, mulher dá à luz em casa em Mato Grosso do Sul

O fato ocorreu nesta manhã

Midiamax Publicado em 14/07/2015, às 20h00

None
ladario_-_corpo_de_bombeiros.jpg

O fato ocorreu nesta manhã

Milene Sampaio de Almeida Lobo de Aguiar, de 30 anos, que mora no Centro de Ladário, cidade a 435 quilômetros a oeste de Campo Grande, não imaginou que esta terça-feira (14), fosse lhe reservar um dia de muita emoção, mas também de susto. Ela veio com o marido, que são do Rio de Janeiro, para uma das cidades de Mato Grosso do Sul por causa da transferido do trabalho, pois ele é da Marinha.

Mãe de um menino de 3 anos de idade, e grávida de uma menina, Milene se preparava para o parto normal, assim como foi na primeira gestação. Ela falou que nos dois últimos dias vinha sentindo algumas dores e nesta madrugada acordou de hora em hora com algumas contrações. Às 7 horas, Milene foi tomar banho e uma hora depois, já de volta ao quarto, sentiu a bolsa estourar.

“Meu marido e minha mãe estavam na casa. Eu estava de pé, junto à cama, quando disse: ‘ela está saindo’. Os dois ficaram apavorados, diziam ‘e agora?’. Mantive a calma e com a ajuda dos dois, a Giovana nasceu. Foi literalmente um parto a três”, contou Milene ao Diário Corumbaense ao lembrar da rapidez como tudo aconteceu. “O parto do meu primeiro filho demorou. A bolsa estourou meia-noite e ele só nasceu às 5h30”, lembrou.

A menina, que recebeu o nome de Giovana, nasceu com 2 quilos 750 gramas e medindo 45,5 centímetros. Mãe e filha também receberam a ajuda dos bombeiros, que fizeram os primeiros atendimentos e as transportaram até o Hospital de Corumbá, pois em Ladário não há maternidade. Elas terão alta na próxima quarta-feira (15).

Jornal Midiamax