Cotidiano

Apesar de queixa dos servidores, Sesau não voltará a fornecer refeição

Contrato com empresa que fornecia alimentos venceu

Midiamax Publicado em 13/07/2015, às 21h59

None
upa_2.jpg

Contrato com empresa que fornecia alimentos venceu

Desde que o contrato da Prefeitura de Campo Grande com a empresa Real Food Alimentos venceu, no último dia 30, servidores da Sesau (Secretaria Municipal de Saúde Pública) reclamam da falta de refeições durante os plantões nas unidades de saúde e também no laboratório central.

Um leitor do Jornal Midiamax disse nesta segunda-feira (13), que no expediente desse fim de semana, por exemplo, muitos funcionários se queixaram de ter que cumprir plantões sem contar com refeições. “Desde quando venceu o contrato não houve mudanças. Soube que há falta de alimentos, inclusive, no Hospital Dia”, contou. 

No entanto, a Prefeitura afirma que não voltará a fornecer refeição. A medida, segundo informou a assessoria de imprensa do executivo municipal, é para conter despesas em virtude da crise econômica enfrentada pelo Município.

No dia em que o contrato venceu, a Prefeitura chegou a confirmar que não havia data para iniciar uma nova licitação e uma empresa voltar a fornecer alimentos para os servidores. Além de ter atendido Campo Grande, a Real Food Alimentos também prestava serviço para o governo de Mato Grosso do Sul e de São Paulo.

Polêmica

No mês de abril a empresa se envolveu em polêmica. Os servidores plantonistas de unidades de saúde de Campo Grande reclamaram de racionamento na alimentação fornecida durante os plantões.

Funcionários de unidades de saúde, que não querem ser identificados, afirmaram na época que estavam proibidos de servir os próprios pratos no buffet contratado para atender postos de saúde e que também não podiam servir uma segunda vez.

Jornal Midiamax