Cotidiano

Ciptran alerta condutores no trânsito em época das chuvas

Neste período de fortes chuvas, o risco de acidentes de trânsito pode aumentar. Com o intuito de prevenir e informar os condutores sobre alternativas para a solução de alguns casos, a Companhia Independente de Polícia Militar de Trânsito (Ciptran) alerta aos condutores sobre esses perigos que podem ser causados pela chuva forte. Em períodos chuvosos, […]

Arquivo Publicado em 25/01/2011, às 19h38

None

Neste período de fortes chuvas, o risco de acidentes de trânsito pode aumentar. Com o intuito de prevenir e informar os condutores sobre alternativas para a solução de alguns casos, a Companhia Independente de Polícia Militar de Trânsito (Ciptran) alerta aos condutores sobre esses perigos que podem ser causados pela chuva forte. Em períodos chuvosos, há uma redução de visibilidade dos condutores, além da água nas pistas, que pode causar a diminuição da aderência dos pneus com o asfalto e dificultar as manobras de emergência.

De acordo com a Ciptran, existem dois fatores essenciais para a prevenção de acidentes: o bom estado do veículo e o comportamento do condutor. Segundo o capitão, o condutor, antes de tudo, deve verificar o limpador de para-brisa, para uma boa visualização de dentro do veículo em casos de muita chuva. Os freios também são de fundamental importância e devem estar em ótimas condições de funcionamento, pois a água em excesso prejudica a frenagem dos veículos.

A Companhia de Trânsito alerta também sobre os pneus do veículo, para o risco de aquaplanagem que resulta na perda do controle do veículo. Segundo a Ciptran, para evitar aquaplanagem, que é o momento em que os pneus perdem a aderência com o piso, é preciso verificar as ranhaduras dos pneus, também chamadas de sulcos. A orientação diz que os pneus devem estar de forma regular para obter uma boa aderência nas ruas e evitar esse deslizamento. Caso o veículo venha a aquaplanar, o melhor a fazer é manter o volante firme, não frear, tirar o pé do acelerador e aguardar novo contato das rodas com o piso.

Em casos de neblina, o condutor deve acender a meia-luz ou até mesmo os faróis, para aumentar a visibilidade e ser visto por outros condutores, prezando pela direção defensiva. A dica também é não frear bruscamente e manter uma distância segura em relação aos outros veículos, sempre usando o cinto de segurança. Se houver alagamento, outra orientação da Companhia é alterar a rota, evitando as áreas alagadas e não ficar próximo a córregos pois o nível da água pode subir rapidamente. Os cuidados devem ser redobrados em bairros de localidades baixas que não possuem pavimentação de asfalto.

Jornal Midiamax