Cotidiano

Primavera começa com previsão de chuvas em Mato Grosso do Sul

As flores e os ipês está sendo destaque nas praças e ruas de Campo Grande. A estação mais florida do ano começa ás 23 horas e 09 minutos de hoje (22). A primavera é a estação do ano que sucede o inverno e antecede o verão. Uma das caracteristicas mais marcantes do ano é o […]

Arquivo Publicado em 23/09/2010, às 00h02

None

As flores e os ipês está sendo destaque nas praças e ruas de Campo Grande. A estação mais florida do ano começa ás 23 horas e 09 minutos de hoje (22). A primavera é a estação do ano que sucede o inverno e antecede o verão. Uma das caracteristicas mais marcantes do ano é o reflorescimento da fauna e flora. Segundo o meteorologista Natálio Abrahão, com a chegada da nova estação, ocorrem mudanças no regime de chuvas e temperaturas no Centro-Oeste. “As chuvas passam a ser mais intensas volumosas e freqüentes, marcando o período de transição entre a estação seca e a estação chuvosa.

Trata-se do equinócio de setembro, um dos dois momentos anuais em que o Sol cruza o plano do equador celeste, a linha imaginária do equador terrestre projetada na abóbada do céu. Equinócio é uma palavra originada do Latim e significa “noite igual”, já que nos dias em que ocorrem as noites e os dias (12 horas) têm a mesma duração. Além de setembro, o equinócio ocorre também próximo do inicio do Outono no Hemisfério sul, em março. Durante a primavera, são comuns as pancadas de chuva no final da tarde ou à noite, em vista do calor e aumento da umidade se intensificar gradativamente no decorrer desta estação. São freqüentes, também, a ocorrência de raios, ventos fortes e queda de granizo.”, relata

Estação chuvosa

No centro do Brasil, e em Mato Grosso do Sul a irregularidade da chuva poderá ser marcante daqui por diante, o que quer dizer dias com alguma chuva intercalados com períodos de estiagem. Isso deve ocorrer principalmente nos meses e entre meados de Outubro e meados dezembro, e é muito grande a possibilidade de atraso do início da estação chuvosa.

O inicio do plantio da safra de verão pode atrasar e o nível de água dos reservatórios de água que geram energia para o País pode continuar caindo, mesmo em época normal de subida.

Viveiro Flora do Cerrado

A Prefeitura Municipal de Campo Grande, está inaugurando o Viveiro Flora do Cerrado. Com o objetivo de atender a demanda de arborização da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano, em nascentes, praças e passeios públicos vai ser plantada 200 mil mudas por ano para suprir as necessidades de arborização da cidade.

Segundo informações da assessoria, o viveiro local conta com toda a infraestrutura necessária: estufa, irrigação pré-definida e o acompanhamento técnico de engenheiros agrônomos e florestais e biólogos da Semadur, em todas as etapas do processo produtivo, desde a germinação das sementes até o período em que a muda esteja adequada para o plantio.

Já no dia 23 de setembro, será entregue ao Conselho Municipal de Meio Ambiente o Plano Diretor de Arborização Urbana (PDAU). O documento apresentará um diagnóstico preciso da situação atual da arborização viária do município, munindo a Prefeitura de Campo Grande de diretrizes que possibilitem a gestão e o gerenciamento da arborização urbana.

Raios Ultra Violeta

Segundo informações da estação Meteorológica Radiometrica e Ambiental da Uniderp- Anhanguera, com os raios de sol verticalizando no Hemisfério Sul, a tendência que os raios ultra-violeta aumentem gradativamente e podem chegar aos valores máximos, varias vezes por mês.Portanto, cuidados para evitar acúmulos desses raios na pele, nos horários de sol a pino e entre ás 10 horas e as 15 horas são fundamentais para não contrair câncer de pele.

Jornal Midiamax