Advogada e cliente foram executados a tiros na saída de na cidade de Santo Antônio, no Agreste do , na tarde desta terça-feira (30). Um homem suspeito de assassinar o vaqueiro Vitor Costa no último final de semana foi morto ao lado de sua advogada, Brenda Oliveira.

O indivíduo, conhecido apenas como “Gordinho da Batata”, acabava de ser apresentado na delegacia e deixou o local na companhia de sua advogada, conforme o jornal Tribuna do Norte. Os dois foram alvos de uma execução a tiros a poucos metros da delegacia, orquestrada por pelo menos quatro homens armados que fugiram em motocicletas.

A OAB-RN (Ordem dos Advogados do Brasil no Rio Grande do Norte), através do presidente Aldo Rabelo, confirmou a morte da advogada Brenda Oliveira. O caso ocorreu durante investigações sobre o assassinato de Vitor Costa, vaqueiro que foi morto a tiros durante uma vaquejada na cidade. O patrão de Vitor, identificado como Marquinhos de Várzea, faleceu de logo após receber a notícia do homicídio do funcionário. (Direito News)