O presidente Luiz Inácio da Silva fez publicação nesta terça-feira (10), na rede X (antigo Twitter), lamentando a morte do brasileiro Ranani Glazer nos conflitos em , confirmada na manhã de hoje pelo Itamaraty.

“O Governo brasileiro tomou conhecimento, com profundo pesar, do falecimento do cidadão brasileiro Ranani Nidejelski Glazer, natural do Rio Grande do Sul, vítima dos atentados ocorridos no último dia 7 de outubro, em Israel. Ao solidarizar-se com a família, amigas e amigos de Ranani, o Governo brasileiro reitera seu absoluto repúdio a todos os atos de violência, sobretudo contra civis”, escreveu Lula.

Natural do Rio Grande do Sul, Ranani era um dos jovens que participavam de um festival de música eletrônica no distrito sul israelense e estava desde os ataques.