Depois de reclamações de candidatos inscritos para o (Exame Nacional do Ensino Médio) deste ano quanto à distância entre seus endereços e o local em que a prova será aplicada, o (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira), responsável pelo exame, informou em nota que “está analisando a definição dos locais das provas realizada pelo Cebraspe, instituição vencedora do processo licitatório para aplicação do Enem em 2023”.

O Inep informou ainda que “adotará as medidas necessárias para que todos os participantes inscritos façam as provas desta edição de acordo com as previsões estabelecidas nos normativos que regulam a aplicação do exame”.

O exame ocorre nos dias 5 e 12 de novembro. Os locais em que as provas serão aplicadas foram divulgados na terça-feira (24), e geraram muitas reclamações nas redes sociais.

Candidatos dizem que terão de fazer a prova em escolas muito distantes de casa ou do local apontado como ponto de partida. Há casos em que a distância é de quase 50 quilômetros, percurso que exigiria mais de duas horas de deslocamento.

De acordo com o MEC (Ministério da Educação), o Cartão de Confirmação traz informações sobre o número de inscrição, data, hora e local das provas.

Neste ano, mais de 3,9 milhões de pessoas estão inscritas no exame. As provas funcionam como o maior para as universidades públicas e privadas do País.

Cronograma

– Data das provas: 05 e 12/11/2023;

– Divulgação dos Gabaritos: 24/11/2023;

– Resultados: 16/01/2024.