Vídeo: Torcedor exibe tatuagem nazista e é expulso do estádio no RS

A tatuagem com a frase “Mein Kampf” (minha luta, em português), título do livro de 1925 escrito por Adolf Hitler
| 10/03/2022
- 19:52
Homem com tatuagem nazista
Homem com tatuagem nazista - Divulgação

No estádio Bento Freitas, do Brasil de Pelotas, no Rio Grande do Sul, um torcedor foi expulso durante uma partida. O motivo da expulsão é que o homem tinha duas tatuagens nazistas no corpo.

O caso que aconteceu há cerca de três semanas, e voltou a repercutir nesta quinta-feira (10). A com a frase “Mein Kampf” (minha luta, em português), título do livro de 1925 escrito por Adolf Hitler, líder nazista da -onde o mesmo defendia ideias antissemitas, radicalistas e nacionalistas de extrema-direita- foi vista nas costas do homem que ainda não foi identificado. Ele também trazia no braço o símbolo de uma cruz, parecida com a Cruz de Ferro, outro símbolo usado pelo exército nazista na primeira metade do século passado.

Indignados, alguns torcedores resolveram tirar satisfação com o homem. Ao ser abordado, o homem tentava se justificar, dizendo que as palavras eram "só o nome de um livro". Os demais torcedores chamaram a equipe de segurança do estádio que levaram o homem tatuado para fora.

Em nota, o Brasil de Pelotas afirmou que “graças a gerações de xavantes que ao longo de 110 anos nos trouxeram até aqui, o Brasil tem na própria história um instrumento contra qualquer discurso ou ato de discriminação”.

Veja também

A Quarta Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) manteve a decisão que condenou o...

Últimas notícias