Brasil

Enfermeiras fingem que vacinam contra Covid-19 e idosos são enganados no Rio

No Rio de Janeiro, pelo menos três idosos foram enganados durante a vacinação contra a Covid-19.

Dândara Genelhú Publicado em 15/02/2021, às 11h37

Idoso durante a vacinação enganosa. Foto: Reprodução/ G1.
Idoso durante a vacinação enganosa. Foto: Reprodução/ G1. - Idoso durante a vacinação enganosa. Foto: Reprodução/ G1.

No Rio de Janeiro, pelo menos três idosos foram enganados durante a vacinação contra a Covid-19. Isto porque quando foram aplicar as doses, as enfermeiras usaram seringas vazias ou não introduziram as doses no corpo das pessoas do grupo de risco da doença.

De acordo com o G1, uma das pessoas enganadas havia tentado se vacinar em Niterói. Em vídeo gravado por um dos parentes do idoso, é possível ver que a enfermeira insere a agulha no braço, porém não aperta o êmbolo para injetar a dose. Assim, a família que comemorou o momento na hora, percebeu que haviam sido enganados após reverem o vídeo.

Neste caso, a prefeitura disse que afastou a técnica do cargo. Outro idoso foi vítima da mesma situação. Entretanto, a família percebeu na hora e exigiu que o senhor fosse vacinado.

Já em Petrópolis, uma idosa de 94 anos foi vítima da aplicação falsa da vacina. Assim, quando foi se vacinar, a senhora recebeu a seringa vazia.

Ou seja, a enfermeira não adicionou dose do imunizante contra o coronavírus na seringa, que tinha apenas ar. De acordo com o relato publicado no G1, a profissional tentava retirar a proteção da agulha quando um dos familiares pediu que a seringa fosse trocada.

Assim, quando retornou com outro equipamento, a enfermeira portava uma seringa sem nenhum líquido dentro. As imagens vazaram na internet e a prefeitura do município se pronunciou, dizendo que a família já havia sido contatada para aplicação verdadeira da vacina na idosa. Além disto, confirmou o afastamento da enfermeira.

Jornal Midiamax