Brasil

Correios do Paraná encontram droga desconhecida pela ciência

Pacote com mais de 1 kg veio da Holanda

Renata Barros Publicado em 15/09/2021, às 07h54

Pacote foi encaminhado para análise na UFPR
Pacote foi encaminhado para análise na UFPR - Foto: Divulgação/Receita Federal

Uma droga desconhecida pela ciência foi apreendida pelos Correios de Pinhais, no Paraná, durante uma verificação de rotina. Funcionários da agência identificaram um pacote suspeito pelo scanner e acionaram cães farejadores, que confirmaram a presença de uma substância desconhecida. O pacote de cerca de 1,2 quilogramas veio da Holanda e continha uma matéria sólida compactada, de tom amarelado.

O pacote foi enviado para análise na UFPR (Universidade Federal do Paraná), que tem um projeto em parceria com a Receita Federal para análise de materiais suspeitos apreendidos no Centro de Distribuição dos Correios, por meio de ressonância magnética nuclear, de alta e baixa resolução.

Os laudos da análise em laboratório indicaram que o pacote continha uma espécie de canabinoide sintético, de um tipo nunca antes descrito na literatura científica.

A Receita Federal informou em nota que não possui informações a respeito da identificação do remetente e do destinatário do pacote ou sobre investigações a respeito da droga. O órgão destaca apenas que espera combater o tráfico internacional por meio da parceria com a UFPR.

Jornal Midiamax