Brasil

Com novo acordo assinado, Brasil e Paraguai querem reforçar segurança na fronteira de MS

Ministros dos dois países também assinaram termo de cooperação entre as polícias que irão atuar em Ponta Porã e também em Pedro Juan Caballero

Marcos Morandi Publicado em 02/06/2021, às 07h42

Assinatura do acordo aconteceu nesta terça-feira, em Brasília
Assinatura do acordo aconteceu nesta terça-feira, em Brasília - Divulgação

Em documento assinado nesta terça-feira (1), em Brasília, o Ministério da Justiça e Segurança Pública e o Ministério do Interior da República do Paraguai (firmaram, acordo para regularizar e reforçar a segurança na fronteira entre os dois países, entre Ponta Porã (MS) e a cidade paraguaia de Pedro Juan Caballero.

No novo pacote de enfrentamento ao crime organizado, o ministro Anderson Torres e o ministro do Interior do Paraguai, Arnaldo Giuzzio, também assinaram um termo de cooperação interinstitucional entre a Polícia Federal do Brasil e a Polícia Nacional do Paraguai.

“O cenário que presenciamos hoje reflete a relevância da cooperação entre os nossos países na luta contra o crime organizado. Apenas por meio de mecanismo de apoio internacional é que poderemos lutar contra o tráfico de drogas, de armas, de pessoas, contra o contrabando e o descaminho em nossas linhas de fronteiras”, destacou Torres.

Após o documento que prevê “Organização e Estabelecimento de Área de Segurança Bipartite na Fronteira”, representantes dos dois países vão se reunir mensalmente para trocar informações e discutir sobre as metas de ações que devem ser realizadas na fronteira em relação ao crime organizado, ao tráfico de drogas, ao tráfico de armas e de pessoas.

A iniciativa também irá facilitar um acionamento de operação rápida entre os policiais do espaço fronteiriço, segundo informações das autoridades dos dois países. Atualmente já existe um acordo de comando tripartite entre os países da Argentina, Paraguai e Brasil na região de Foz do Iguaçu.

No entendimento do ministro paraguaio, Arnaldo Giuzzio, o acordo firmado é uma cooperação importante entre os dois países na luta contra o crime organizado. “Com o acordo, será possível promover um conjunto de ações para fortalecer o trabalho entre o Brasil e o Paraguai na fronteira”, pontuou.

Jornal Midiamax