Avião de Marília Mendonça atingiu fios de alta tensão antes de cair

Todos que estavam na aeronave morreram
| 06/11/2021
- 02:46
Reprodução/WhatsApp
Reprodução/WhatsApp

A Cemig (Companhia Energética de Minas Gerais) confirmou que o avião que caiu com a cantora e mais quatro pessoas, em Piedade de Caratinga, no Vale do Rio Doce, atingiu fios de alta tensão da empresa antes do acidente. Todos que estavam na aeronave morreram. A informação foi dada pela Cemig na noite desta sexta-feira (5), publicou o Estado de Minas.

Fotos que circulam nas redes sociais mostram que fios de alta tensão foram rompidos após o acidente aéreo. Alguns cabos passam na reta da pista do de Ubaporanga, que atende Caratinga. Antes de o avião cair, moradores contaram ao Estado de Minas que o equipamento começou a girar, até cair "de bico" na cachoeira.

"Primeiro, soltou uma peça do avião, que caiu próximo a casa de um morador do condomínio. Em seguida, o avião começou a girar no ar em formato de parafuso. Bateu de bico na cachoeira. Ouvi um grande estrondo", contou o morador. O barulho da queda foi "parecido com o de uma forte batida de carro", relatou uma testemunha que mora em um conjunto de casas próximo ao local do acidente.

Notificações feitas por pilotos aos órgãos responsáveis pela aviação no Brasil falavam de um "obstáculo que violava o plano básico de zona de proteção". Uma antena e uma torre, por exemplo, foram citadas pelos profissionais.

Uma equipe do SERIPA 3 (Terceiro Serviço Regional de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos), ligado ao Cenipa (Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos), deve chegar ao local do acidente nas próximas horas para investigar as causas da queda do avião.

Trata-se de um modelo King Air C90A, com capacidade para seis passageiros. A aeronave, que é turboélice e que conta com dois motores, foi fabricada em 1984 e tinha autorização para operar em regime de fretamento, segundo a Anac (Agência Nacional de Aviação Civil).

 

(Informações do Estado de Minas)

Veja também

A Quarta Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) manteve a decisão que condenou o...

Últimas notícias