Brasil

MPF quer investigar verba de propaganda do governo federal

A Procuradoria Federal dos Direitos do Cidadão solicitou uma investigação na quinta-feira, 21, para garantir a transparência dos gastos com publicidade realizados pelo governo federal em campanhas publicitárias. No documento, os procuradores pedem investigação sobre eventual improbidade administrativa por parte do secretário de Comunicação da Presidência da República, Fabio Wajn...

Agência Estado Publicado em 22/05/2020, às 08h09 - Atualizado às 09h36

Fábio Wajngarten, secretário de Comunicação do governo federal. (Divulgação)
Fábio Wajngarten, secretário de Comunicação do governo federal. (Divulgação) - Fábio Wajngarten, secretário de Comunicação do governo federal. (Divulgação)
A Procuradoria Federal dos Direitos do Cidadão solicitou uma investigação na quinta-feira, 21, para garantir a transparência dos gastos com publicidade realizados pelo governo federal em campanhas publicitárias. No documento, os procuradores pedem investigação sobre eventual improbidade administrativa por parte do secretário de Comunicação da Presidência da República, Fabio Wajngarten.

A representação afirma que a secretaria direciona dinheiro para sites ideológicos e promove censura a veículos críticos ao governo, o que contraria a Constituição.

A Procuradoria cobra providências para que a Secom se abstenha de selecionar, para publicar propaganda oficial, veículos “em razão de afinidades ideológicas”. E pede que sejam adotados critérios técnicos no direcionamento dos anúncios. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Jornal Midiamax