Brasil

Governo federal zera alíquota de importação de revólveres e pistolas

O governo federal zerou a alíquota de importação de revólveres e pistolas, que atualmente é de 20% do valor do produto. Publicada no DOU (Diário Oficial da União) desta quarta-feira (9), a medida começa a valer em 2021. O texto inclui revólveres e pistolas – com exceção das posições 93.03 e 93.04 – numa lista […]

Gabriel Neves Publicado em 09/12/2020, às 08h00

Presidente Jair Bolsonaro. (Foto: Reprodução/Jorge William/Agência O Globo)
Presidente Jair Bolsonaro. (Foto: Reprodução/Jorge William/Agência O Globo) - Presidente Jair Bolsonaro. (Foto: Reprodução/Jorge William/Agência O Globo)

O governo federal zerou a alíquota de importação de revólveres e pistolas, que atualmente é de 20% do valor do produto. Publicada no DOU (Diário Oficial da União) desta quarta-feira (9), a medida começa a valer em 2021.

O texto inclui revólveres e pistolas – com exceção das posições 93.03 e 93.04 – numa lista de exceções à tarifa externa comum do Mercosul, com itens que têm a alíquota de importação zerada no Brasil.

A resolução não apresenta nenhuma justificativa para a alteração na alíquota de importação, conforme publicado no portal G1.

Jornal Midiamax