Brasil

Claro, Motorola e Samsung são notificadas por propaganda da internet 5G

A operadora Claro e as fabricantes Motorola e Samsung foram notificadas pelo Procon do Estado de São Paulo para prestar esclarecimentos sobre a internet 5G. O órgão de defesa do consumidor pede que as empresas informem sobre a limitação do serviço, afinal a tecnologia 5G só chega ao Brasil oficialmente depois do leilão feito pela […]

Mylena Rocha Publicado em 11/11/2020, às 09h05

Foto Ilustrativa: Divulgação/Anatel
Foto Ilustrativa: Divulgação/Anatel - Foto Ilustrativa: Divulgação/Anatel

A operadora Claro e as fabricantes Motorola e Samsung foram notificadas pelo Procon do Estado de São Paulo para prestar esclarecimentos sobre a internet 5G. O órgão de defesa do consumidor pede que as empresas informem sobre a limitação do serviço, afinal a tecnologia 5G só chega ao Brasil oficialmente depois do leilão feito pela Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações).

As empresas devem prestar esclarecimentos sobre as ofertas de serviços e smartphones anunciados como compatíveis com o 5G. O órgão de defesa do consumidor quer saber se estes produtos anunciados como tecnologia 5G já estão disponíveis no Brasil. Caso não estejam, o Procon quer saber se os consumidores são informados sobre as limitações do serviço. 

As empresas têm 72 horas para dar explicações e já teriam sido notificadas, conforme o site Tech Tudo. O site entrevistou executivos de empresas, que explicam que os modelos funcionam com o 5G DDS, uma tecnologia intermediária, uma alternativa até que o Brasil tenha 5G em capacidade máxima. O leilão da Anatel para novas frequências dedicadas ao 5G acontece somente no ano que vem.

Jornal Midiamax