Brasil

Butantan recebeu mais 1,5 milhão de doses da Coronavac nesta quarta

Nesta quarta-feira (30), o Instituto Butantan recebeu mais 1,5 milhão de doses da vacina Coronavac, imunização contra o coronavírus.

Dândara Genelhú Publicado em 30/12/2020, às 10h03

(Foto: Ilustrativa/Reuters)
(Foto: Ilustrativa/Reuters) - (Foto: Ilustrativa/Reuters)

Nesta quarta-feira (30), o Instituto Butantan recebeu mais 1,5 milhão de doses da vacina Coronavac, imunização contra o coronavírus. O carregamento veio da China, país onde é localizado o laboratório Sinovac, que o produz a vacina em parceria com o Butantan.

Assim, este é o segundo carregamento que chega a São Paulo apenas nesta semana. Então, desde novembro, SP recebe doses e insumos da vacina.

Com o novo carregamento, o Estado alcançou a 10 milhões de doses que eram previstas antes de janeiro de 2021. Para receber a carga, no Aeroporto de Cumbica, estava presente o governador João Doria (PSDB).

“Acabamos de receber um novo lote da vacina do Butantan contra o coronavírus. Temos agora 10 milhões e 800 mil doses da vacina em solo brasileiro. São Paulo trabalha com planejamento e senso de urgência para salvar vidas”, afirmou.

No entanto, a vacina ainda não foi aprovada pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária). Para receber o aval, é necessário pelo menos 50% de eficiência da imunização.

Em 23 de dezembro o Instituto Butantan informou que a Coronavac apresentou eficácia acima dos níveis exigidos pela agência brasileira e pela OMS (Organização Mundial da Saúde). Esta seria a terceira fase de testes da vacina.

Jornal Midiamax