Brasil

Assessor de deputado Gil Diniz ganha cargo na Secretaria Especial da Cultura

Advogado e assessor parlamentar de Gil Diniz – deputado conhecido como “Carteiro Reaça”, recém-expulso do PSL por “manifestações de ataques ao STF e seus ministros” e acusado de envolvimento na disseminação de fake news -, Felipe Carmona Cantera, que foi acusado em 2019 de integrar uma central de memes e ataques apócrifos criada no gabinete […]

Agência Estado Publicado em 17/08/2020, às 09h42

Gil Diniz (PSL). (Foto: reprodução)
Gil Diniz (PSL). (Foto: reprodução) - Gil Diniz (PSL). (Foto: reprodução)

Advogado e assessor parlamentar de Gil Diniz – deputado conhecido como “Carteiro Reaça”, recém-expulso do PSL por “manifestações de ataques ao STF e seus ministros” e acusado de envolvimento na disseminação de fake news -, Felipe Carmona Cantera, que foi acusado em 2019 de integrar uma central de memes e ataques apócrifos criada no gabinete do deputado, foi nomeado nesta segunda, 17, para exercer o cargo de diretor do Departamento de Política Regulatória da Secretaria Nacional de Direitos Autorais e Propriedade Intelectual.

Na sexta, 14, a advogada Glaucia Tamayo Hassler Sugai, que estava no Ministério do Desenvolvimento Regional, onde presidia a comissão de ética, foi nomeada secretária Nacional de Direitos Autorais e Propriedade Intelectual. O órgão é ligado à Secretaria Especial de Cultura.

Também na sexta, um aluno de um curso online de Olavo de Carvalho, Victor Hugo Diogo Barboza, foi escolhido para coordenar área de apoio a comunidades quilombolas da Fundação Cultural Palmares, que é presidida por Sérgio Camargo.

No comando da Secretaria Especial da Cultura está o ator Mário Frias.

Jornal Midiamax