Brasil

AGU pede ao STF rejeição de ação da Rede contra foro de Flávio Bolsonaro

A AGU (Advocacia-Geral da União) pediu ao STF (Supremo Tribunal Federal) a rejeição de uma ação movida pelo partido Rede Sustentabilidade contra decisão que concedeu foro privilegiado ao senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ) nas investigações sobre ‘rachadinhas’ na Assembleia Legislativa do Rio. Para a AGU, situações como as de reeleição para mandatos sucessivos não foram o...

Agência Estado Publicado em 28/08/2020, às 17h08

O senador Flavio Bolsonaro. (Foto: Agência Brasil)
O senador Flavio Bolsonaro. (Foto: Agência Brasil) - O senador Flavio Bolsonaro. (Foto: Agência Brasil)

A AGU (Advocacia-Geral da União) pediu ao STF (Supremo Tribunal Federal) a rejeição de uma ação movida pelo partido Rede Sustentabilidade contra decisão que concedeu foro privilegiado ao senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ) nas investigações sobre ‘rachadinhas’ na Assembleia Legislativa do Rio.

Para a AGU, situações como as de reeleição para mandatos sucessivos não foram objeto de solução explícita pelo plenário do STF. Em 2018, a Corte restringiu o alcance do foro privilegiado para os crimes cometidos no exercício do mandato e em função do cargo.

O entendimento da AGU está alinhado ao da PGR (Procuradoria-Geral da República), que enviou na última quinta-feira (27) um parecer ao Supremo no mesmo sentido.

Jornal Midiamax