Brasil

PF prende em São Paulo suspeitos de envolvimento em corrupção no Paraná

Nova fase da Lava Jato tem ações em quatro estados

Richelieu Pereira Publicado em 22/02/2018, às 11h47

None

Nova fase da Lava Jato tem ações em quatro estados

A Polícia Federal (PF) prendeu nesta quinta-feira (22), em São Paulo, dois suspeitos de participarem de um esquema de corrupção ligado à concessão de rodovias federais no Paraná, que fazem parte do chamado Anel da Integração, uma malha de 2.493 Km de rodovias divididas em seis lotes interligados.

A princípio havia um mandado de busca e apreensão expedido para São Paulo, mas um segundo envolvido foi preso quando chegava ao Aeroporto Internacional de Guarulhos, vindo de Londrina, no Paraná.

A operação cumpre ao todo sete mandados de prisão temporária e 50 de busca e apreensão em São Paulo, Santa Catarina, Rio de Janeiro e Paraná, na primeira etapa da Lava Jato este ano.PF prende em São Paulo suspeitos de envolvimento em corrupção no Paraná

As ordens judiciais foram autorizadas pela 13ª Vara Federal de Curitiba. As investigações detectaram o uso das estruturas de lavagem de dinheiro “reveladas na Operação Lava Jato para operacionalizar os recursos ilícitos pagos a agentes públicos, principalmente por meio dos operadores financeiros Adir Assad e Rodrigo Tacla Duran, investigados na Lava Jato”, segundo a Polícia Federal.

De acordo com informações da Superintendência da Polícia Federal em São Paulo, o preso no aeroporto já foi encaminhado para Curitiba, de avião. O segundo detido também irá para Curitiba ainda hoje. A PF não informou os nomes dos suspeitos, nem a participação deles no esquema.

Jornal Midiamax