Brasil

Enem vai ter equipamento para detectar celulares e fraudes, diz MEC

Exame deste ano terá dispositivo para detecção de pontos eletrônicos

Joaquim Padilha Publicado em 02/10/2017, às 13h17

None

Exame deste ano terá dispositivo para detecção de pontos eletrônicos

O Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) vai aumentar seus recursos de segurança e detecção de fraudes na edição deste ano. O MEC (Ministério da Educação) anunciou que vai utilizar detectores de ponto eletrônico nos locais das provas.

“Nosso objetivo é combater os pontos eletrônicos que, infelizmente, ainda são usados em exames de grande expressão como o Enem”, declarou o ministro da educação, Mendonça Filho.

Os aparelhos têm como objetivo detectar, em um campo próximo, a emissão de sinais de radiofrequência, como os que são transmitidos por wi-fi, bluetooth, aparelhos celulares e outros dispositivos eletrônicos.

A medida foi anunciada após a última edição de 2016 ter registrado um alto número de vazamentos de provas, conforme relatório da Polícia Federal. Desde 2014 o Exame utiliza detectores de metais para identificar o uso de aparelhos eletrônicos.Enem vai ter equipamento para detectar celulares e fraudes, diz MEC

Este ano, 13,5 milhões de provas devem ser aplicadas em todo o país. Além da mudança em questões de segurança, o Enem deste ano também será o primeiro a ter as duas provas divididas em dois domingos seguidos, e não mais em um mesmo fim de semana. 

Jornal Midiamax