Brasil

Artista que fez performance nu no MAM foi morto a pauladas? Não é verdade!

Secretaria da Segurança Pública de São Paulo negou a informação

Wendy Tonhati Publicado em 01/10/2017, às 17h53

None

Secretaria da Segurança Pública de São Paulo negou a informação

O artista Wagner Schwartz, pivô de polêmica nas artes após fazer uma performance nu no MAM (Museu de Arte Moderna) de São Paulo, se tornou alvo de uma notícia falsa divulgada em um site e espalhada pela internet. A publicação falsa diz que ele foi morto a pauladas quando voltava para casa, na Zona Sul de São Paulo e publica imagens do suposto crime.

A Secretaria da Segurança Pública de São Paulo negou a informação e disse que não houve nenhuma morte a pauladas na região na data especificada. Procurada, a assessoria do MAM também diz que se trata de um boato. Outro detalhe que denota a falsidade da notícia é a foto do local do crime que acompanha o texto – que se refere a um homem morto a tiros em uma cidade do PR.

Desde que o vídeo ganhou repercussão, o artista não tem se manifestado. Schwartz virou alvo de uma polêmica após as imagens em que a criança o toca viralizarem na internet. O Movimento Brasil Livre (MBL) acredita que houve crime de pedofilia. A performance chamada “La Bête” foi inspirada em um trabalho de Lygia Clark.

Jornal Midiamax